Sais Minerais: Poderosos Aliados da Saúde

Rate this post

No post anterior falamos sobre vitaminas, mas não poderíamos nos esquecer dos sais minerais. Leia mais sobre o benefício dos sais minerais para a sua saúde!

 

Para que servem os sais minerais?

O corpo precisa de muitos minerais, que são chamados de “minerais essenciais”.

Os “minerais essenciais”, por sua vez, podem ser divididos em grandes minerais (macrominerais) e apenas minerais (microminerais).

Diferentes minerais têm benefícios distintos. Logo, nenhum mineral pode ser tido como mais benéfico ou menos benéfico do que outro.

Todos os minerais são importantes para o bom funcionamento do corpo. A maioria dos minerais ajuda no metabolismo corporal, no balanço hídrico e na saúde óssea.

Vejamos quais são os sais minerais:

Cálcio

 

  • Constrói e protege os ossos e os dentes. Ajuda nas contrações musculares e, também, no relaxamento corporal, na coagulação do sangue e na transmissão de impulsos nervosos.
  • Reproduz papel na secreção hormonal e na ativação enzimática.
  • Ajuda a manter uma pressão sanguínea saudável.
  • Dietas muito altas em cálcio podem aumentar o risco de câncer de próstata.
    • Fontes: Iogurte, queijo, leite, tofu, sardinha, salmão, sucos fortificados, vegetais de folhas verdes – como o brócolis e a couve. Os adultos absorvem aproximadamente 30% de cálcio ingerido na alimentação, mas isso pode variar dependendo da fonte.

 

Cloro

  • Balanceia os fluidos corporais.
  • É essencial para a digestão.
    • Fontes: sal (cloreto de sódio), molho de soja, alimentos processados.

 

Cromo

 

  • Melhora a atividade da insulina
  • Ajuda a manter os níveis normais de glicose no sangue e é necessário para liberar energia da glicose.
    • Fontes: carne, aves, peixes, alguns cereais, nozes, queijo.
      • Os alimentos não refinados, como lúpulo de cerveja, nozes e queijos, são as melhores fontes de cromo.

 

Cobre

 

  • Representa um papel importante para metabolizar o ferro.
  • Ajuda o organismo a criar novos glóbulos vermelhos.
    • Fontes: fígado, marisco, nozes, sementes, produtos integrais, feijões, ameixas secas. Mais de metade do cobre presente nos alimentos é absorvido pelo corpo.

 

Flúor

 

  • Incentiva a formação óssea.
  • Mantém as cavidades dentárias em bom estado.
    • Fontes: Água  fluorada, pasta de dente com flúor, peixes marinhos, chás. Pode ser nocivo para crianças se ingerido em quantidades excessivas.

 

Iodo

  • Parte do hormônio da tireoide, que ajuda a ajustar a temperatura corporal e influencia a função dos nervos e dos músculos, a reprodução e o crescimento.
  • Previne o bócio, que é um distúrbio congênito da tireoide.
    • Fontes: sal iodado, alimentos processados, frutos do mar. Para evitar deficiências de iodo, alguns países adicionam iodo no sal, no pão ou na água potável.

 

Ferro

 

  • Ajuda a hemoglobina nos glóbulos vermelhos e a mioglobina nas células musculares a transportarem o oxigênio para todo o corpo.
  • É necessário para reações químicas no organismo e para fazer aminoácidos, colágeno, bem como aos neurotransmissores e aos hormônios.
    • Fontes: carne vermelha, aves, ovos, frutas, vegetais verdes, pão fortificado e produtos que contêm grãos.
      • Muitas mulheres em idade fértil não recebem ferro suficiente. As mulheres que não menstruam provavelmente precisam da mesma quantidade de ferro que os homens.  Isso porque o ferro é mais difícil de absorver quando consumido por meio de plantas, por exemplo. Desse modo, vegetarianos devem consumir 2x mais de ferro do que a quantidade recomendada.

 

Magnésio

 

  • Precioso para muitas reações químicas do corpo.
  • Funciona junto com o cálcio na contração muscular, na coagulação sanguínea e na regulação da pressão arterial.
  • Ajuda os ossos e dentes.
    • Fontes: legumes verdes, como espinafre e brócolis, leguminosas, caju, sementes de girassol,  pão integral, leite. A maioria do magnésio no corpo é encontrada nos ossos.

 

Manganês

  • Ajuda a formar ossos.
  • Ajuda a metabolizar aminoácidos, no controle do colesterol e dos carboidratos.
    • Fontes: Nozes, legumes, grãos inteiros, chá.

 

Molibdênio

  • Auxilia a evitar danos neurológicos graves em lactantes e que pode levar à morte precoce.
    • Fontes: Legumes, nozes, produtos de grãos, leite. As deficiências de molibdênio são raras.

 

Fósforo

  • Ajuda a construir e a proteger os ossos e os dentes.
    • Fontes: grande variedade de alimentos, incluindo leite e produtos lácteos, carnes, peixes, aves, ovos, fígado, ervilhas, brócolis, batatas, amêndoas. Certas drogas se ligam ao fósforo, tornando-o indisponível e causando perda óssea, fraqueza e dor.

 

Potássio

 

  • Balanceia os fluídos corporais.
  • Ajuda a manter batimentos cardíacos constantes e envia impulsos nervosos.
  • Necessário às contrações musculares.
  • Uma dieta rica em potássio pode baixar a pressão arterial.
    • Fontes: carne, leite, frutas, legumes, grãos, legumes.

 

Selênio

  • Atua como um antioxidante, neutralizando moléculas instáveis ​​que podem danificar as células.
  • Ajuda a regular a atividade do hormônio da tireoide.
    • Fontes: carnes de órgãos, frutos do mar, nozes, às vezes plantas (depende do solo em que forem cultivadas), produtos que contêm grãos. Os pesquisadores estão investigando se o selênio pode ajudar a reduzir o risco de desenvolver câncer.

 

Sódio

 

  • Equilibra os fluidos corporais.
  • Ajuda a enviar impulsos nervosos.
  • Necessário para contrações musculares.
  • Impede o aumento excessivo da pressão arterial. Porém, o consumo excessivo pode aumentar a pressão arterial além de trazer outros problemas!
    • Fontes: sal (moderado), molho de soja, alimentos processados, vegetais.

 

Enxofre

 

  • Importante para o desenvolvimento saudável dos cabelos, da pele e das unhas.
    • Fontes: alimentos ricos em proteínas, como carnes, peixes, aves, nozes, leguminosas.

 

Zinco

 

  • Ajuda a formar muitas enzimas e proteínas e a criar novas células no organismo.
  • Necessário para sistema imunológico, sabor, cheiro e cicatrização de feridas.
    • Fontes: carne vermelha, aves, ostras e outros frutos do mar, cereais fortificados, feijões, nozes.

 

Como se vê, todos os sais minerais tem uma importância particular no organismo e por isso uma alimentação equilibrada deve ser mantida para se ter saúde.

 

 

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: